Instagram Facebook Twitter YouTube Flickr Spotify
20/01/2023

GO: Defensoria Pública debate Direitos Humanos e justiça em Seminário do NPJ da UFG na cidade de Goiás

Fonte: ASCOM/DPE-GO
Estado: GO
A Defensoria Pública do Estado de Goiás (DPE-GO) foi convidado pelo Núcleo de Práticas Jurídicas (NPJ) da Universidade Federal do Estado de Goiás (UFG) - Regional Goiás para ministrar palestras e oficinas em seu primeiro seminário de Práticas Jurídicas, Acesso à Justiça e Direitos Humanos. A abertura do evento aconteceu na noite desta quarta-feira (18/01), no Cine Teatro São Joaquim, localizado no Centro Histórico da cidade de Goiás. A primeira palestra contou com a participação do defensor público Philipe Arapian. As atividades serão realizadas até sexta-feira (20/01).
 
"O Núcleo de Práticas Jurídicas da UFG Goiás é referência nacional, e quem ganha mais com isso é a população do Estado, principalmente aqui da cidade de Goiás", afirmou Philipe Arapian. "O tema da mesa e abertura de é fundamental. Vamos abordar a questão dos NPJs, do acesso à justiça e dos Direitos Humanos". O defensor público ressaltou que, infelizmente, a efetivação dos Direitos Humanos acontece, muitas vezes, apenas judicialmente.
 
A palestra de abertura também teve a participação da professora da UNB, Talita Rampim, e da vereadora por Goiás, Elenízia da Mata, com mediação do coordenador do NPJ, José Humberto de Goés Júnior.
 
"Esse é um momento de compartilhar conhecimentos, de aprender com a prática, com as experiências, e a DPE-GO tem essa experiência para compartilhar com nossos estudantes", explicou José Humberto. "O nosso sonho é fazer o NPJ um centro de referência em Direitos Humanos e nossa pretensão é nos aproximar mais da ideia de acesso à justiça para proteger e promover esses direitos. A Defensoria Pública pode auxiliar nosso processo de formação e no aprimoramento das nossas atividades".
 
Para a coordenadora do curso de direito da UFG - Regional Goiás, Bruna Pinotti Garcia, as atividades desempenhadas pelo NPJ e pela DPE são atividades irmãs. "Principalmente aqui na cidade de Goiás, onde ainda não temos a Defensoria Pública com uma sede local, o papel do NPJ se intensifica mais na assistência das pessoas em situação de vulnerabilidade", disse a coordenadora. "Para a comunidade, ver que a DPE-GO está ao lado do NPJ, incentivando e apoiando, colabora para a credibilidade do trabalho que desenvolvemos".
 
Atividades
 
Na manhã desta quinta-feira, as defensoras públicas Tatiana Bronzato, coordenadora do Núcleo Especializado de Defesa e Promoção dos Direitos da Mulher (Nudem), e Bruna Gomide debateram o tema Direito do Consumidor e Defesa e Proteção de Vítimas de Violências Intrafamiliares.
 
Na sexta-feira, o defensor público Tiago Bicalho e a professora da UFG Andrea Abrahão Costa ministrarão uma oficina sobre Direito do Consumidor. E, à tarde, as defensoras públicas Fernanda Oriá e Maria Eduarda Lins oferecerão uma oficina sobre Defesa e Proteção de Vítimas de Violências Intrafamiliares.
 
Compartilhar no Facebook Tweet Enviar por e-mail Imprimir
AGENDA
7 de fevereiro
AGE e atividades legislativas
8 de fevereiro, às 18h30
Posse de Diretoria
9 de fevereiro
Reunião de Diretoria
 
 
 
COMISSÕES
TEMÁTICAS
NOTAS
TÉCNICAS
Acompanhe o nosso trabalho legislativo
NOTAS
PÚBLICAS
ANADEP
EXPRESS
HISTÓRIAS DE
DEFENSOR (A)