Instagram Facebook Twitter YouTube Flickr
A ANADEP também está na Campanha Novembro Azul pelo combate ao câncer de próstata.
17/10/2019

BA: Moradores da zona rural aproveitam os serviços oferecidos pela Unidade Móvel da Defensoria

Fonte: ASCOM/DPE-BA
Estado: BA
Se depender da primeira palavra que a pequena M.S.S., de 8 meses, falou e continua repetindo, o lavrador Edielson Brito, 30 anos, é mesmo o seu “papá”. Para ter a certeza, os dois saíram cedo de casa, na zona rural de São Miguel das Matas, e foram nesta quarta-feira, 16, até o centro da cidade, onde a Unidade Móvel de Atendimento da Defensoria Pública do Estado da Bahia (DPE-BA) fez sua parada e continuou oferecendo diversos serviços, como o exame gratuito de DNA para investigação de paternidade. Neste segundo dia da UMA, como é mais conhecida, na cidade foram alcançados mais 83 atendimentos sobre diversos casos.
 
“Dizem que é minha xerox”, revelou o lavrador, referindo-se à aparência entre os dois. “Estávamos os três em casa e, de repente, ela falou ‘papá’”, lembrou a mãe da menina, a lavradora Naiara Silva, 18 anos, que já convive com o lavrador há três anos.
 
Rapidez e felicidade
 
Depois do feriado escolar do Dia do Professor, as aulas voltaram ao normal nesta quarta-feira, e, para aproveitar a passagem da Unidade Móvel pela cidade, os moradores da zona rural pegaram carona nos ônibus escolares e foram em direção ao centro da cidade, onde a UMA estava estacionada.
 
“Ontem eu não pude vim por causa do transporte, mas hoje peguei essa carona e vim aproveitar a oportunidade de ter a Defensoria na minha cidade. Que rapidez! Que felicidade! Finalmente resolvi isso depois de seis longos anos indo a vários outros órgãos tentar”, contou a lavradora Nilzete Santos, 55 anos, que foi em busca do serviço de retificação do registro civil. “Até o pessoal do Cartório elogiou o trabalho de vocês. Daqui a três dias já vou pegar minha certidão de casamento com os nomes dos meus pais corretos”, contou a lavradora, que fez questão de voltar e agradecer à defensora pública Clarissa Verena Lima Freitas pelo atendimento.
 
E por falar em volta às aulas, quem também voltou foi a professora Arleth Oliveira, que, depois de três anos de separação, finalmente assinou o divórcio com o ex-marido e também firmou o acordo de alimentos e definiu sobre a guarda da filha. “Tudo foi conduzido [pelo defensor público e coordenador da UMA, Marcus Vinícius Lopes de Almeida] de uma forma muito tranquila e que ficou bom para os três: eu, ele e nossa filha. Que vocês voltem sempre a São Miguel das Matas!”, convidou a professora.
 
“É muito gratificante fazermos o nosso trabalho e obtermos o reconhecimento através das palavras de alegria e gratidão dos nossos assistidos. Os dois dias de itinerância em São Miguel das Matas o que mais atendi foram demandas de retificações de registro. Às vezes pequenos erros materiais podem negar grandes direitos à população. Sem dúvidas, a existência da UMA faz uma grande diferença, principalmente, nas cidades que ainda não são atendidas pela Defensoria Pública de forma perene”, ressaltou a defensora.
 
Próxima parada: Elísio Medrado
 
Depois destes dois dias na cidade, agora a Unidade Móvel segue para Elísio Medrado e atenderá aos moradores amanhã e sexta-feira, dias 17 e 18, na Praça Salvador Andrade, no centro da cidade. O horário de atendimento será das 8 às 12h e das 13h30 às 16h, por ordem de chegada.
Compartilhar no Facebook Tweet Enviar por e-mail Imprimir
XIV CONADEP
ANADEP INOVA
Escola Nacional das Defensoras e Defensores Públicos do Brasil
Novas 100 regras de Brasília
COMISSÕES
TEMÁTICAS
NOTAS
TÉCNICAS
Acompanhe o nosso trabalho legislativo
NOTAS
PÚBLICAS
ANADEP
EXPRESS
HISTÓRIAS DE
DEFENSOR (A)