Instagram Facebook Twitter YouTube Flickr
07/02/2019

AM: Defensoria Pública realiza atendimentos em municípios do Baixo Amazonas

Fonte: ASCOM/DPE-AM
Estado: AM
Os municípios da região do Baixo Amazonas assistidos pelo Polo Zeca Pontes, instalado em Parintins, começaram a receber as primeiras ações da Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM) em 2019. Esta semana foi a vez da população de Barreirinha ser atendida na cidade pela equipe da Defensoria Pública. Ainda em fevereiro, Boa Vista do Ramos e Nhamundá terão atendimentos.
 
Em Barreirinha, os serviços que começaram na última segunda-feira (4) e terminam nesta quinta-feira (7) acontecem na rua Laureano Tavares, ao lado do Mercado Municipal, no Centro, das 8h às 16h. Além dos atendimentos, o defensor público Inácio Navarro, coordenador do Polo Zeca Pontes, está realizando outras atividades no município.
 
“Nosso atendimento à população está focado na área de Família, que é a de maior demanda da Defensoria Pública e envolve muitas questões relacionadas ao menor de idade, além dos casos criminais. Já verifiquei a situação da delegacia da cidade, conversamos com todos os presos e observei as condições do espaço. Além disso, faremos uma reunião com a rede local de proteção à infância e juventude”, explica o defensor.
 
Boa Vista do Ramos e Nhamundá
 
Entre os próximos dias 11 e 14, a DPE-AM vai realizar atendimentos no Fórum de Justiça de Boa Vista do Ramos, localizado na rua 7 de setembro, 410, Centro. Em Nhamundá, a população poderá ser atendida pela Defensoria Públicas do dia 25 ao 28, também no Fórum do município, que fica na rua Furtado Belém, 4, Centro. Nas duas cidades, o serviço ocorre das 8h às 16h.
 
Após a rodada de atendimentos, a Defensoria Pública retorna aos municípios nos próximos meses para dar continuidade nas audiências judiciais e inspeções.
 
“Essas ações são fundamentais, pois fazem parte do processo de fortalecimento e interiorização da Defensoria Pública no Amazonas, com essa nova dinâmica de instalação dos polos em municípios e cronogramas de atendimentos”, afirma o defensor público Inácio Navarro.
 
Compartilhar no Facebook Tweet Enviar por e-mail Imprimir
XIV CONADEP
ANADEP INOVA
Escola Nacional das Defensoras e Defensores Públicos do Brasil
Novas 100 regras de Brasília
COMISSÕES
TEMÁTICAS
NOTAS
TÉCNICAS
Acompanhe o nosso trabalho legislativo
NOTAS
PÚBLICAS
ANADEP
EXPRESS
HISTÓRIAS DE
DEFENSOR (A)