Instagram Facebook Twitter YouTube Flickr
A ANADEP também está na Campanha Novembro Azul pelo combate ao câncer de próstata.
17/10/2019

CE: Defensoria promove manhã de lazer para 100 crianças e adolescentes de unidades de acolhimento

Fonte: ASCOM/DPE-CE
Estado: CE
“Sempre que as tias nos falam que vamos passear, fico animado. Fico com saudade dos meus irmãos. Pergunto logo se a unidade que eles ficam também vai participar”. A fala saudosa é de Francisco*, 16 anos, e diz respeito à expectativa do reencontro com os irmãos mais novos, Paulo* e Antônia*, 6 e 4 anos, respectivamente. Os irmãos moram em unidades de acolhimentos diferentes e tiveram a surpresa do reencontro graças à comemoração do Dia das Crianças realizada nesta terça-feira, 15, no parque ecológico Ecopoint, em Fortaleza. A oportunidade foi uma ação do Núcleo de Defesa dos Direitos da Infância e da Juventude (Nadij) da Defensoria Pública do Estado do Ceará em parceria com o movimento Fortaleza Invisível, que reuniu cerca de 100 crianças de nove unidades de acolhimento de Fortaleza em uma manhã de lazer e integração.
 
“Ações como essa fazem parte de momentos que a Defensoria Pública tenta proporcionar diversão, lazer, interação com outras crianças de outras unidades para formação de laços de amizade. As atividades compõem um projeto maior que visa melhorar a qualidade de vida de crianças e adolescentes”, afirma a defensora pública Ana Thallita Nóbrega, titular da 2a Defensoria do Núcleo de Atendimento da Defensoria Pública da Infância e Juventude de Fortaleza.
 
Toda a programação específica voltada para crianças e adolescentes acolhidos foi planejada por meio de parcerias firmadas com empresas e instituições. Marcelo Meneses, co-fundador e líder do movimento Fortaleza Invisível, destaca que a atividade realizada com a Defensoria Pública agrega ainda mais valor aos projetos desenvolvidos pelo coletivo, por terem impacto social na vida de crianças que estão em situação de vulnerabilidade. “Ficamos muito felizes, porque logo no nosso primeiro contato e sugestão, conseguimos fechar o projeto. Nós acreditamos na soma de esforços para garantia dos nossos objetivos, que é proporcionar dias melhores às nossas crianças,” afirma. Parceiros como El Chancho, Cometa Supermercados, Tanq e Sabores da Cidade também se fizeram presentes para a viabilização do evento.
 
A defensora pública Ana Cristina Barreto, titular da 1a Defensoria do Núcleo de Atendimento da Defensoria Pública da Infância e Juventude de Fortaleza, ressalta que “são muito necessários para promover o desenvolvimento saudável de cada criança e adolescente que se encontram nas unidades”. “Hoje, por exemplo, as crianças estão com a oportunidade de conhecer animais e atividades que não estão no cotidiano delas, e isto é cultura. Então, é um momento de aprendizado, de diversão e integração com os colegas”, explica a defensora.
 
Fauna e flora presentes no parque ecológico deixaram crianças e adolescentes em contato próximo e real com a natureza e os animais. Atividades como tirolesa, passeio a cavalo, zoológico e jogo de futebol preencheram de alegria a manhã dos participantes. Laura Isabel, 36 anos, é educadora na unidade de acolhimento IV e reforçou que as atividades lúdicas em um ambiente diferente influencia diretamente no rendimento escolar. “Após estas atividades, eles ficam mais tranquilos, passam dias conversando sobre a ação com os coleguinhas na escola, nas atividades de sala e isso é muito positivo para nós que somos responsáveis por cuidar deles”. A educadora da casa São Miguel Arcanjo, Vilma Duarte, 45 anos, complementa a fala de Laura. “Como pedagoga, vejo que isto melhora o vocabulário, por exemplo. Eles aprendem novos conteúdos e podem contribuir em sala. Então, é uma atividade benéfica e que chega a influenciar crianças que estudam com eles e que não estão aqui. São nesses momentos que eles aprendem ainda mais sobre serem cidadãos”.
 
A mobilização dos eventos em comemoração ao Dia das Crianças faz parte do projeto Defensoria Amiga dos Abrigos, que tem como objetivo promover uma ação em rede dos abrigos de Fortaleza, permitindo a troca de experiências, de convivência, a assistência jurídica das crianças e adolescentes, bem como a busca pela solução de problemas comuns das instituições.
 
*Os nomes foram alterados para preservar a identidade
Compartilhar no Facebook Tweet Enviar por e-mail Imprimir
XIV CONADEP
ANADEP INOVA
Escola Nacional das Defensoras e Defensores Públicos do Brasil
Novas 100 regras de Brasília
COMISSÕES
TEMÁTICAS
NOTAS
TÉCNICAS
Acompanhe o nosso trabalho legislativo
NOTAS
PÚBLICAS
ANADEP
EXPRESS
HISTÓRIAS DE
DEFENSOR (A)