Instagram Facebook Twitter YouTube Flickr
12/08/2019

RJ: Defensores da Paz inicia mais uma edição em Macaé

Fonte: ASCOM/DPE-RJ
Estado: RJ
O curso de formação Defensores da Paz, promovido pela Defensoria Pública do Rio de Janeiro (DPRJ), iniciou mais uma edição na última quarta-feira (7) em Macaé, no Norte Fluminense. A aula inaugural foi realizada pela defensora pública Karen Simões que falou sobre direitos da mulher e sobre a Lei Maria da Penha, que completou 13 anos de existência. Para a defensora, debates sobre esse tema são essenciais para a conscientização sobre violência e desigualdade de gênero. 
 
"A violência de gênero é um fenômeno que atinge a praticamente todas as mulheres em algum momento da vida. É importante que haja uma discussão que conscientize a população sobre a cultura do estupro e o machismo estrutural presentes em nossa sociedade", afirmou.
 
A aula abordou os diferentes tipos de violência, o perfil dos agressores e as principais situações de abuso e violação dos direitos da mulher. Além disso, a defensora explicou algumas questões legais que visam garantir a integridade física e psicológica de mulheres em situação de violência - como a Lei Maria da Penha e as determinações da Organização das Nações Unidas (ONU). A aula contou ainda com a participação da coordenadora do Centro Especializado de Atendimento à Mulher (CEAM) Pérola Bichara Benjamim, Jane Roriz, e da psicóloga do CEAM, Flávia Alves, que falaram sobre a rede de proteção à mulher existente no município. 
 
"É importante que as mulheres em situação de violência de gênero conheçam seus direitos e saibam a quem recorrer. É essencial falarmos sobre a rede de proteção que existe no município e a atuação da Defensoria nesses casos", afirmou a defensora Karen Simões.
 
Além da aula sobre direitos da mulher, a inauguração do curso contou com uma série de atividades culturais. Houve a apresentação do coral dos alunos do Instituto Federal Fluminense (IFF) e da peça de teatro “Negros Olhos” realizada pelo grupo de teatro musicado Som do Parque - Apadrinhe um Sorriso. Além disso, o evento recebeu uma exposição de fanzines promovida pelo projeto de extensão IFanzine do IFF. 
 
O Defensores da Paz em Macaé acontece até dezembro e abordará diversos temas relacionados aos direitos humanos e sociais como o direito à moradia e o direito à saúde.
Compartilhar no Facebook Tweet Enviar por e-mail Imprimir
AGENDA
17 de janeiro de 2020
Encerramento da chamada de artigos: Defensoria Pública - reflexões sobre os direitos das mulheres
5 de fevereiro de 2020
AGE
3 de março de 2020
Reunião de Diretoria da ANADEP
4 de março de 2020
AGE e AGO
1 de abril de 2020
AGE
3 de junho de 2020
AGE
02 de junho de 2020
Reunião de Diretoria da ANADEP
1 de julho de 2020
AGE
5 de agosto de 2020
AGE
2 de setembro de 2020
AGE
01 de setembro de 2020
Reunião de Diretoria da ANADEP
7 de outubro de 2020
AGE
4 de novembro de 2020
AGE
09 de dezembro de 2020
Reunião de Diretoria da ANADEP
XIV CONADEP
ANADEP INOVA
Escola Nacional das Defensoras e Defensores Públicos do Brasil
Novas 100 regras de Brasília
COMISSÕES
TEMÁTICAS
NOTAS
TÉCNICAS
Acompanhe o nosso trabalho legislativo
NOTAS
PÚBLICAS
ANADEP
EXPRESS
HISTÓRIAS DE
DEFENSOR (A)