Instagram Facebook Twitter YouTube Flickr
13/03/2019

CE: Núcleo do Idoso implementa novo sistema de atendimento da Defensoria

Fonte: ASCOM/DPE-CE
Estado: CE
Mais velocidade e integração. Assim está sendo o cotidiano de atendimento no Núcleo do Idoso da Defensoria Pública do Estado do Ceará. Desde a última segunda-feira (11), o Núcleo está realizando atendimentos na nova plataforma da instituição, o Solar. Defensores e colaboradores receberam treinamento em janeiro deste ano, sendo o primeiro núcleo da instituição a implementarem o programa.
 
Com o uso do Solar, todos os assistidos com mais de 60 anos que procuram a Defensoria estão sendo cadastrados na plataforma. Os dados ficam registrados como o histórico da pessoa na instituição: por quais núcleos passou, que ações deu entrada, por quem foi atendido, entre outras informações. A partir disso, quem trabalha no atendimento pode ter acesso a esses dados, agilizando o atendimento sobre o perfil e a demanda do assistido.
 
Além do cadastro no Solar, também já estão sendo realizados agendamentos de atendimento pelo programa. Os atendimentos agendados no sistema antigo estão sendo cumpridos normalmente, mas a ideia é que todos passem a ser programados apenas pelo novo sistema. A estratégia permite que todos os núcleos possam verificar remotamente no Solar, algo que não acontecia até então.
 
Para o defensor público Daniel Leão, supervisor do Núcleo do Idoso, a mudança é positiva e deve trazer benefícios com o tempo. “Achei o sistema espetacular, moderno. Nesse primeiro momento, está demandando mais tempo para cadastramento dos assistidos. Mas acho também que o desenvolvimento dele, com a integração com o e-SAJ, vai dar muita agilidade aos atendimentos”, pontua Daniel.
 
A defensora pública e assessora de Desenvolvimento Institucional, Sâmia Costa Farias, explica o motivo da implantação pioneira. “O Núcleo do Idoso funciona como um pequeno núcleo do Núcleo Central de Atendimento (NCA), tendo dois defensores, triagem própria, além de funcionar dentro da sede e facilitar a interlocução diária com os defensores e colaboradores”, afirma.
 
Solar – O sistema Solução Avançada de Atendimento de Referência (Solar) foi criado na Defensoria Pública de Tocantins há sete anos. Desde então, já foi inserida nas rotinas de oito estados. Recentemente, iniciou o processo de implantação no Ceará, Piauí, Maranhão e Sergipe. A introdução do novo sistema na Defensoria do Ceará ocorrerá de forma cooperativa, gradativa e gratuita com a cessão de programas e compartilhamento de informações com as demais Defensorias.
 
Ainda esta semana, o Solar deve ser implementado no Núcleo de Atendimento e Petição Inicial (Napi), nesta quarta (13). Ao longo dos meses de março e abril, outros núcleos também passarão a utilizar o Solar. No primeiro momento, o objetivo é implementar o sistema nos núcleos de petição inicial de Fortaleza, para depois expandir para os demais setores de atendimento da Defensoria.
 
Defensores públicos, colaboradores e estagiários estão sendo treinados para utilizarem as ferramentas disponíveis no Solar. As turmas foram organizadas em dois turnos distintos e escolhidas pelos próprios participantes. A formação está ocorrendo na Escola Superior da Defensoria Pública (ESDP) até a próxima sexta-feira (15).
Compartilhar no Facebook Tweet Enviar por e-mail Imprimir
Escola Nacional das Defensoras e Defensores Públicos do Brasil
Novas 100 regras de Brasília
COMISSÕES
TEMÁTICAS
NOTAS
TÉCNICAS
Acompanhe o nosso trabalho legislativo
ANADEP
EXPRESS
HISTÓRIAS DE
DEFENSOR (A)